Notícias

Adware na Play Store infecta 1,5 milhão de celulares Android

Imagem de: Adware na Play Store infecta 1,5 milhão de celulares Android

Flávio Motta Coutinho

via nexperts

Um relatório feito pela empresa de segurança móvel Wandera indicou que dois aplicativos de câmera mostravam pop-ups invasivos e bombardeavam os telefones dos usuários com anúncios indesejáveis, tornando os aparelhos mais lentos e gerando renda aos criminosos.

O app Sun Pro Beauty Camera teve mais de 1 milhão de downloads e Funny Sweet Beauty Camera, pouco mais de 500 mil downloads. Ambos foram removidos e banidos da Play Store. O grande número de críticas negativas pode ter sido um fator que chamou atenção dos técnicos de segurança da plataforma, mas não se sabe se a Google, antes de removê-los, fez o acompanhamento dessas críticas.

Nos aplicativos foram encontradas algumas funcionalidades muito semelhantes às de 85 aplicativos removidos da Play Store em agosto após serem desenterrados pela Trend Micro.

Google Play Store (Fonte: Olhar Digital/Reprodução)
(Fonte: Olhar Digital/Reprodução)

A Wandera relatou, após todos os testes, que os dois apps criariam um atalho na gaveta de aplicativos e logo em seguida se removeriam para permanecerem ocultos. Assim, desinstalar nem sempre era eficaz, pois os apps continuavam sendo executados em segundo plano e exibindo os anúncios invasivos. Além disso, as propagandas apareciam até mesmo fora do aplicativo, sendo muito difíceis de fechar.

A empresa de segurança também afirmou que suas descobertas foram compartilhadas com a Google em 11 de setembro de 2019 e que houve uma rápida ação para a remoção dos aplicativos da Play Store.

Quanto à solução do problema para os usuários, o indicado é que se certifiquem de que não têm mais os aplicativos em seus celulares. Recomenda-se que seja feita uma restauração completa do sistema, assim como uma limpeza nos arquivos para assegurar a integridade do dispositivo.

Fontes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *